Meu Aniversário! – 5 curiosidades que vocês precisam saber.

DESTAQUE niver

* 25 de Agosto de 2015.

Hoje é o meu aniversário. O primeiro deles. E por isso, resolvi fazer esse post, meio na vibe de reflexão, meio na onda de esclarecimento. De uma forma leve e até despretensiosa, para compartilhar algumas curiosidades com vocês, que me seguem e eventualmente têm algumas dúvidas.

Ultimamente cinco perguntas tem feito parte do meu dia a dia. E elas vêm das pessoas mais variadas possíveis, hehe. Certamente você já deve ter se feito uma delas, mesmo que em pensamento.

Então, para simplificar, reuni essas 5 curiosidades a meu respeito, para contar e explicar neste dia que é tão especial.
Por que não sei vocês, mas eu ADORO comemorar aniversário. Gosto tanto, que tenho dois!

Como assim, dois aniversários?
Longa história!
Resumidamente: nasci no dia 25 de agosto de 1983, com o nome de Patrícia. Mas fui adotada quase um mês depois. Como naquela época não tinha toda a burocracia que existe hoje em dia, a minha mãe biológica me deu e a minha mãe me registrou como filha dela. Só que como demorou um tempinho, fui registrada como se tivesse nascido dia 15 de setembro. E por 31 anos sempre dei preferência à essa data, mas que hoje percebo que não é a correta.

Não sei vocês, mas acredito que a gente carrega a energia que circulava pelo universo na hora em que nasceu. Destino? Influências? Não sei! Mas acredito que tem alguma coisa à ver.

E terapia vai, terapia vem, você começa a descobrir a importância das datas e dos números na sua vida. Por conta disso, passei a dar mais importância à verdadeira data de aniversário, que é o dia do meu nascimento, mesmo que num pedaço de papel esteja diferente.
Entretanto, como afirmei acima, adoro comemorar aniversário. Ou seja, aceito presentes nas duas datas. hahaha

Ano passado, surpresa de madrugada na TV, no niver de setembro.

Ano passado, surpresa de madrugada na TV, no niver de setembro.

É Leidinara ou Ledinara?
Então… esse é outro X da questão. Seria até engraçado, se não fosse a pura verdade.
Quando nasci, ganhei o nome de Patricia. Mas quando minha mãe me adotou, ela quis inventar moda. Como era fã do Roberto Carlos (sim, detesto aquela música), ela quis colocar Lady Laura. Por azar (ou sorte), meu pai foi me registrar sozinho no cartório e acabou falando Leidinara. Mas o atendente, meio surdo, comeu um ‘i’ e registrou Ledinara.

Exatamente. Não tem o ‘i’ no meu nome!

Mas, assim como a data do aniversário, cresci intercalando a preferência. No início gostava de ser chamada de Ledinara (mais na infância), depois passei a gostar mais do Leidinara, que é como a maioria das pessoas me conhecem. Achava diferente, mais imponente!

Mas, novamente, não é o correto. Então.. terapia vai, terapia vem (brincadeira), resolvi assumir de vez o jeito correto do meu nome, que é sem o ‘i’. Mas como os e-mails são antigos e fiquei com preguiça de mudar, acabou ficando com ‘i’ mesmo. Por isso alguns lugares está Leidinara e outros Ledinara.
Se já é confuso para vocês, imagina para mim, que passei 32 anos nessa divisão. Agora já me acostumei. LEDINARA!

Como você come tanto doce e não engorda?
Até os dois anos de vida eu era uma bolinha. Sabe aquele boneco Michelin? Cheio de dobrinhas e branco? Era eu!
Gordinha de cabelo encaracolado.
Totalmente o oposto de hoje.

Minha mãe conta que depois dos 4 anos fui ficando chata pra comer e louca por doces. Meu pai tinha um bar e naquela época o Kinder Ovo era R$ 1. Imagina as coleções que eu fazia. Ele comprava uma caixa para vender e outra só para mim.
Cresci comendo muito doce. Sempre.

Nunca curti muito o salgado. Minha mãe vivia (e ainda vive) em pânico pela minha brancura e magreza. Me levava (e se deixar ainda leva) de tempos em tempos para fazer exames de anemia e não se conformava de eu ser saudável assim, tão magrela.
Perdi as contas de quantas batidas de Biotônico Fontoura, Leite Condensado e ovo de pata eu tomei na vida. Inclusive, se um dia isso resolver fazer efeito, tô frita!

Já tentei academia para ganhar massa, mas sou preguiçosa, confesso!
Alguns médicos diziam que eu tinha o metabolismo acelerado, que meu organismo era como um carro sempre na reserva. Mas há pouco tempo, um nutrólogo ortomolecular descobriu que na verdade meu corpo produz muito cortisol e por isso,tudo o que eu como, queima muito rápido e não dá tempo de virar gordura. Parece sonho, mas não se iludam. É triste perder peso muito rápido.

O fato de ser branquela ainda piora, porque se saio de casa sem maquiagem, sempre me perguntam se estou doente. Hahaha Mas já aprendi a conviver com isso também.

O fato é que minha alimentação não é muito certinha. Nada certinha, eu diria.
Sou viciada em doces. Admito. O máximo que consegui ficar sem açúcar foram 3 meses. Notei, na época, que sem açúcar como mais salgado e acabo ganhando alguns graminhas na balança. Mas quem disse que consigo ficar sem o doce? Ainda mais agora, fazendo tours de doces. Difícil a vida!

doce

Momento #Vaigordinha (foto: Liza Strapasson)

Seu exame de Glicose está ok?
Por falar nisso, como vocês sabem, eu posto muitos doces.
Se eu como tudo o que posto? A grande maioria!
Principalmente se tiver Nutella. Sim, sou a louca da Nutella. O pote médio não dura mais do que 3 a 4 dias na minha casa. Detalhe: eu moro sozinha!

Mas, depois dos 30, a gente tende a começar a se cuidar mais. Ou pelo menos deveria, né?! Então, até pelo fato de não conhecer o histórico de saúde da minha família biológica, me preocupo em fazer exames regularmente. Xô diabetes!

doce 2

E sim, gente, minha Glicose é sempre baixinha. Amém!
Me dá mais Nutella!

nut

Nutella: amor verdadeiro! (Foto: Liza Strapasson)

Jornalista, blogueira ou guia de turismo?
Essa é uma das perguntas que sempre me fazem por e-mail. Principalmente assessores de imprensa ou colegas de faculdade.

Até o final de 2014, eu trabalhava apenas na TV e levava o blog de hobby. Adorava meu trabalho, mas vivia meio escravizada. Trabalhar em televisão é lindo. Mas você não tem vida. Isso é fato!

Mas as coisas mudam e que bom que mudam!
Este ano foi um período que tirei para ‘deixar rolar’, um período sabático, trabalhando no que desse vontade. Fiz alguns frilas (trabalho temporários) em televisão, mas o foco ficou sendo o Tour e o Blog.

O CuritiDoce nasceu na metade do ano passado, mas apenas esse ano é que ganhou força maior. Agora, já tenho 4 roteiros. Toda semana tem pelo menos dois a três tours. E isso dá um trabalhão.

Este ano estou terminando meu curso de guia de turismo também. Era algo que eu sempre quis fazer e posso dizer que me encontrei. Na verdade, acredito que consegui encontrar o equilíbrio entre o jornalismo, a blogosfera e o turismo. Eu me pauto, crio roteiros e escrevo contando as novidades no blog. Posso dizer que é o trabalho perfeito!
Inclusive, cada dia vejo o quanto é melhor a gente ter um trabalho ao invés de um emprego.

tour
E como aniversário é aquela época de fazer balanços, posso dizer que esse novo ano seguirá como está sendo 2015: deixando rolar…

eu

Ah! E só pra constar… aceito presentes! 😉 

Ledinara Batista

Ledinara é jornalista, blogueira e estudante de turismo. Curitibana que adora turistar pela cidade, descobrindo lugares novos. Principalmente se esses lugares tiverem doces, guloseimas e Nutella! Suas descobertas estão aqui, no blog Férias NOW, onde dá dicas para você tirar férias, nem que seja em pensamento.

9 Responses to “Meu Aniversário! – 5 curiosidades que vocês precisam saber.”

  1. avatar
    1
    Túlio Says:

    Muchas alegrias, Ledinara! Sucesso pra vc e pro Curitidoce

  2. avatar
    2
    Ana Carolina Says:

    Esse foi seu melhor post, sem dúvida nenhuma!!!! Ameiiiiiiiiiiiiiiiiiii!!!!

  3. avatar
    3
    Liana Sampaio Says:

    Seja Leidi, ou Ledi, de setembro ou agosto, o fato é que você é uma pessoa admirável, talentosa e merece tudo o que conquistou até agora e vai conquistar pela frente. Torço de coração por você e fico muito feliz em saber que hoje você consegue juntar tudo o que mais ama em seu próprio trabalho, que não é emprego hehe. Isso é realmente maravilhoso, continue assim, lindona. Espero voltar pra Curitiba logo! Por enquanto, vc pode vir me visitar em Fortaleza, comer uns doces e pegar um solzinho hehe…beijão, Li.

  4. Ledinara Batista
    4
    Leidinara Batista Says:

    OOhhh sua linda!! Obrigadaaaa e muitas saudades de você!!!

  5. Ledinara Batista
    5
    Leidinara Batista Says:

    hahahaha obrigadaaaa :*

  6. Ledinara Batista
    6
    Leidinara Batista Says:

    Obrigadaaaa 😀

  7. avatar
    7
    Guilherme Says:

    rsrsrs. Como você consegue ficar magrinha e gatinha assim escrevendo este monte de posts sobre doces e guloseimas… rsrsrsr. Brincadeira! Adorei o blog e utilizei para minha viagem à Curitiba. Valeu!

  8. Ledinara Batista
    8
    Leidinara Batista Says:

    Hahaha pois é… uma das coisas inexplicáveis da vida!
    Volte mais vezes, Curitiba tem muuuuitos lugares bacanas para visitar!
    Feliz 2016!!!

  9. avatar
    9
    Meu Aniversário – uma comemoração diferente | Ferias Now Says:

    […] diferente, sem festa, sem bolo e curtindo mais as minhas próprias vontades. No ano passado fiz ESSE POST contando algumas curiosidades sobre o fato de eu ter duas datas de aniversário. E como este ano eu […]

Leave a Reply