5 Fatos Curiosos que já aconteceram em Viagens

destaque viagem

Sigo alguns blogs e notei que tem um novo desafio ou uma nova tag rolando na blogosfera.

São os 15… 25.. 50… XX fatos aleatórios sobre mim. Acho bem bacana, pois você consegue conhecer um pouco mais a blogueira ou do instagrammer.

Por isso, adaptei a tag e neste post vou contar 5 fatos aleatórios (curiosos e engraçados) que já aconteceram comigo em viagens.
Afinal, quando a gente viaja, muita coisa bacana acontece e fica de lembrança.

E a maioria das situações são tão bacanas, que vale a pena compartilhar.

IMG_2597

01 – Mudei o destino do intercâmbio na última hora.
Meu primeiro intercâmbio, em 2008, era para ter sido em Vancouver, no Canadá.

Mas, depois de estar tudo certo com a viagem, menos de um mês antes, meu visto foi negado. Tive que decidir entre cancelar a viagem ou mudar o destino. Não pensei duas vezes.

Sempre quis conhecer a Espanha e lembro que, quando tinhas uns 14 anos, via os catálogos de cidades e uma delas sempre me chamava a atenção pelo nome: Salamanca! Pois foi justamente pra lá que viajei e fiz meu primeiro mês de intercâmbio.

O resto vocês já sabem, me apaixonei!

visto

02 -Acabei com o estoque bolinhos de 3 supermercados no Reino Unido.
Adoro doces e isso não é novidade, né?!

Quando estava em Bournemouth, em 2013, viciei nuns bolinhos da Mr. Kipling e acabei com o estoque dos três Tescos da cidade. Em duas semanas!

Quando estava voltando embora, nas minhas malas já não cabiam mais nada, mas ainda assim comprei três pacotes para trazer. Acabaram menos de 3 dias depois.

A saudade dos bolinhos é tanta, que esses dias entrei no Ebay e descobri que tinha para vender. Comprei. Demorou um mês, chegou com o prazo de validade quase vencendo, mas suspirei de emoção ao comê-los novamente.

louca mercados

03 – Já joguei roupa no lixo para não pagar excesso de bagagem.
Em 2013, quando estava indo do Porto para Madrid (já tinha passado por 10 cidades ao longo da viagem), na hora de pesar a mala, deu 2 kg a mais. Como eu não tinha dinheiro para pagar o excesso de bagagem, não teve jeito. Sentei no chão, abri a mala e fui tirando o que ia deixar para trás. Mas como já era quase final das férias, tinha passado por várias cidades e comprado muita coisa (leia-se biscoitos, chocolates, chás, comida).

Então, sem pensar duas vezes para não sofrer demais, dei tchau à calças jeans, pijama, toalha de banho, camiseta. Embarquei com praticamente a roupa do corpo. E, claro, todas as minhas guloseimas garantidas!

Afinal, calça jeans você compra em qualquer lugar, mas os meus biscoitinhos fofos, da loja do Palácio de Buckingham, sabe se lá Deus quando eu ia conseguir comprar novamente, né?!

Da série "Quero! Mas só tenho as foto!"

Da série “Quero! Mas só tenho as foto!”

04 – Na primeira noite na Espanha, pensei em voltar embora.
No meu primeiro intercâmbio, voei pela Alitália e fiz algumas conexões. Cheguei à Milão, precisei trocar de aeroporto. Depois cheguei à Madrid e tive problemas com o transfer do colégio.

De Madrid à Salamanca são quase 3h de viagem. Lembro que saí do Brasil no sábado de manhã e cheguei na casa da família onde iria ficar, no domingo à noite. A viagem foi tão cansativa e tudo era tão novidade, que me assustei.

Na primeira noite bateu um pequeno desespero, tive uma crise de choro na hora de dormir, quando caiu a ficha de que eu estava sozinha tão longe de casa.

Dormi. No dia seguinte fui para a escola e me apaixonei por tudo. No final, quem disse que eu queria voltar em bora?

Salamanca - 2008

Salamanca – 2008

05 – Peguei o trem errado em Londres e conheci um fotógrafo de guerra gaaato.
Quando cheguei à Londres, tinha o endereço da minha amiga e as coordenadas de como chegar à estação de metrô onde ela estaria me esperando. Estava tranquila, pensei “Qualquer idiota sabe seguir as indicações e pegar o metrô”. Grande engano.

Depois de teimar com o atendente da máquina de bilhetes, acabei (por culpa dele) pegando o trem errado. Era a primeira vez na cidade, tinha acabado de chegar e não falava inglês, no máximo aquelas frases feitas de viagem.

Enquanto o trem ia pro lado que eu tinha certeza que estava errado, eu pensava em como ia fazer para chegar no lugar certo. Acho que a minha cara de desespero era tão nítida, que quando, sem querer, esbarrei a mala nos pés de um homem, ele me ofereceu ajuda. Expliquei, quase na base da mímica (foi engraçado), que precisava pegar o trem X e não falava inglês.

Pra minha sorte ele falava espanhol. Respirei aliviada. Expliquei a situação, ele ligou para a minha amiga e me disse o passo a passo de como eu iria trocar de estação e pegar o trem certo.

Mais tranquila, começamos a conversar e ele me contou que era fotógrafo de guerra. Sabe aquele momento que você arregala os olhos e fala “UAU”? Pois é. Trocamos contatos e ainda hoje nos falamos no Facebook. Ele parecia aqueles apresentadores de programas de viagem de canal a cabo. Era gato! (Ficaram curiosos? esse é o site dele, onde tem algumas das lindas fotos que ele já fez: http://conflictpics.com/.

Porto - cidade que fez pesar ainda mais a minha mala, com pelo menos 20 garrafinhas miniaturas de vinho.

Porto – cidade que fez pesar ainda mais a minha mala, com pelo menos 20 garrafinhas miniaturas de vinho.

E com vocês? Já aconteceu histórias curiosas ou engraçadas durante as viagens? Conta aí! 

Ledinara Batista

Ledinara é jornalista, blogueira e estudante de turismo. Curitibana que adora turistar pela cidade, descobrindo lugares novos. Principalmente se esses lugares tiverem doces, guloseimas e Nutella! Suas descobertas estão aqui, no blog Férias NOW, onde dá dicas para você tirar férias, nem que seja em pensamento.

2 Responses to “5 Fatos Curiosos que já aconteceram em Viagens”

  1. avatar
    1
    5 Fatos Curiosos que já aconteceram em Viagens - Agregador De Viagem Says:

    […] By Leidinara Batista […]

  2. avatar
    2
    Amanda Saviano Says:

    hahaha adoreeei!! Vou passar 1 mês em Salamanca e acho que vou enjoar da cidade… estava pensando em encurtar a estadia! o q vc acha? beijoos! Amanda
    http://www.amandaqui.com

Leave a Reply